Connect with us




Pastor

PF chama pastore para depor no caso Valdomiro Pereira e CEADEB

Published

on

Pr chama pastores para depor no cao Ceadeb

Parece que o Pastor Valdomiro Pereira conseguiu mais calar um dos seus opositores mais ferozes, depois que o mesmo está usando as redes sociais para negar qualquer acusação contra o presidente da Assembleia de Deus na Bahia.

+ Cantor gospel Yudi Tamashiro fala do assalto que quase tirou a sua vida e dos livramentos de Deus

Chamado para depor na delegacia contra o Pastor valdomiro Pereira, o Pastor Weldo Batista, que é bastante conhecido no mundo evangélico por ter sido opositor do presidente da CEADEB, resolveu usar as redes sociais para negar qualquer envolvimento, alegando que não sabe de nada que possa incriminar o Pastor Waldomiro, bem diferente do que ele vinha dizendo anteriormente.

A Polícia Federal vem investigando uma ação aberta por 33 pastores, incluindo deputados e advogados da CEADEB contra Valdomiro Pereira, e uma das testemunhas de acusação seria o próprio Pastor Weldo Batista, mas ele passou a defender.

Mas, o que poderia ajudar em incriminar o Pastor Valdemiro e tira-lo do poder da Assembleia de Deus, parece que não será tão fácil com essa recusa do pastor Weldo Batista.

No aúdio que circula nas redes sociais, o Pastor Weldo Batista deixa claro que não sabe porque foi colocado como acusação, e o que seu depoimento pode favorecer nas investigações.

"Quero pedir orações, pois vou estar na polícia amanhã, pois fui incluído como testemunha de acusão contra a CEADEB sobre um possível caso de caixa dois, que eu não sei do que se trata, não conheço esse processo contra Waldomiro Pereira, acredito que ele que deva ir lá responder, e eu não sei o que falar, pois não estou sabendo de nada, mas vou responder todas as questões. Entendo que assuntos de igreja e de pastor deve ser resolvido em local apropriado. Não tenho nada contra o pastor Waldomiro".

Existe um grupo de pastores da Bahia descontentes com o Pastor Waldomiro Pereira, onde resolveram fazer diversas denúncias contra ela, alegando improbidade administrativa.

Inclusive, eles denunciaram que o Pastor valdomiro Pereira teria comprado uma rádio, chamada CEADEB Comunicação, onde estaria no nome dele, processo totalmente contrário ao que foi alegado por ele no momento da compra.

Outra denúncia, desta vez mais grave, seria de abuso sexual a um fiel da igreja que aconteceu a quase 10 anos atrás na Igreja Assembleia de Deus, no bairro da Liberdade.



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Recentes