Conecte-se conosco




Pastor

Pastor Paulo Junior afirma que soltura de Lula é "juízo de Deus"

Publicado

em

Pastor Paulo Junior crítica postura do STF

O pastor Paulo Junior usou as suas redes sociais para criticar a postura do STF após a ceder liberdade para o ex-presidente Lula. Segundo o religioso a liberdade para o político é juízo de Deus".

+ Pastor Junior Trovão é detonado por pregador durante Encontro CIIMISU em Suzano-SP

Em virtude dos atuais acontecimentos, o pastor Paulo Junior também criticou a postura de alguns evangélicos que se manteram durante algum tempo aplaudindo políticos brasileiros, e que hoje a consequência é essa.

Além disso, o pastor aproveitou o momento para pedir uma corrente de orações em prol do Brasil e da situação delicada que estamos passando.

"Querido irmãos e irmãs! Vocês sabem que nas últimas horas nos fomos tomados por notícias com sombrias. As decisões do STF e a soltura do ex-presidente Lula tem amedrontado a nossa nação. Mas eu quero dizer para você não temer, pois Deus ainda está sentado em seu trono, ele é soberano e tem o controle. Às vezes, isso aconteceu em razão de muitos cristãos terem depositado a sua confiança em homens e no governo dele. Claro que não é errado exercer o direito de cidadão, mas Jesus disse que o seu reino não é desse mundo. Temos que orarmos pelas autoridades, e diante dos últimos fatos, gostaria de convocar as pessoas para uma corrente de orações, e nós como cidadãos dos céus, precisamos clamar pelo país, confessar nossos pecados, pedindo que Deus envie sua graça e seu espírito em nosso favor".

Não só o pastor Paulo Junior se revoltou com a decisão do STF, como outros nomes conhecidos dos evangélicos também se posicionaram contra.

Dentre eles, o pastor Silas Malafaia usou a sua página no Instagram para criticar o STF, e pedir orações e manifestações de grupos evangélicos contra esse disparate cometido pelos juízes na última semana.

Outro que se manifestou contra também foi o deputado federal Marco Feliciano, que assim como o pastor Paulo Junior, pediu correntes de orações, mostrando também sua revolta.



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Recentes