Conecte-se conosco

Brasil

Menina que pede comida por troca de máscara comove a internet

Publicado

em

Uma imagem de uma menina com um cartaz na rua pedindo comida na troca de máscara de proteção contra o coronavírus viralizou na internet. Além de causar grande comocção, revela a situação que o Brasil vive atualmente.

Pastor Silas Malafaia se revolta após cunhado quase morrer por falta de atendimento hospitalar

Com o cartaz “Troco uma máscara por um alimento”, a criança  de apenas 9 anos estava no cruzamento da Avenida Salvador Allende, no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio.

Esse pedido veio da própria mãe da menina, que tem mais três filhos, e por consequência da pandemia do Covid-19, está desempregada.

Pastor pede perdão de joelhos após 28 fiéis da sua igreja morrem de covid-19

Segundo a mãe, no primeiro dia que ela pediu para que a filha ficasse no farol, ela teve medo da reação das pessoas. Mas logo que percebeu que essa seria a única chance para conseguir colocar comida na mesa.

Moradora da comunidade de Antares, Zona Oeste do Rio, a mãe trabalhava como vendedora de picolé e diarista. Com o fechamento das praias e proibição das vendas de rua, ela acabou ficando se trabalho, e essa foi a única maneira para tentar melhorar a situação dentro de casa.

Entrevistada, a criança disse que a mãe é bastante trabalhadora, e nunca negou serviço.

Porém, com a pandemia  do coronavírus atrapalhou tudo, e para não passar fome, resolveram trocar as máscaras que ela faz em casa por comida.

Diante de tal situação, muitas pessoas se solidarizarão com a família, e pararam as duas no sinal para ajudá-las.

Além disso, diversas celebridades usaram as redes sociais para saber mais sobre a história da família e uma possibilidade de ajudá-las.



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

RS registra 100 mortes por coronavírus e cidades do interior eleva sinal de alerta

Publicado

em

O estado do Rio Grande do Sul registrou até o último domingo a marca de 100 mortes, segundo o boletim da Secretaria Estadual de Saúde.

Coronavírus mata líderes religiosos pelo mundo e deixa igrejas sem pastor

Em comparação a sábado (9), houve um aumento de 2 mortes, que foram registrados nas cidades de Bento Gonçalves e Santa Rosa.

Com isso, o governo de RS abriu um alerta para o avanço da pandemia em cidades do interior, totalizando 2.576.

Eles estão em:

Bento Gonçalves – 2

Butiá (novo) – 1

Cachoeira do Sul – 2

Carlos Barbosa – 1

Encantado – 1

Garibaldi – 1

Gravataí – 1

Itaqui (novo) – 1

Lajeado – 4

Marau – 3

Nova Prata – 2

Passo Fundo – 9

Porto Alegre – 1

Quaraí – 1

São Valentim do Sul (novo) – 1

Serafina Corrêa – 1

Teutônia – 1

Vila Flores (novo) – 1

No Brasil, são mais de 158 mil casos do novo coronavírus (Sars-CoV-2), com 10,7 mil mortes, até a tarde deste domingo.

Cidades como São Paulo e Rio de Janeiro, maiores focos da pandemia no Brasil, estão tomando algumas medidas mais sérias para fazer com que as pessoas possam ficar em casa, evitando que a doença se prolifere ainda mais.



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo

Brasil

HD Soluções tem sede da empresa em rua com proteção de facção criminosa

De acordo com o agora Paraná, a empresa HD Soluções atendia os registros de financiamento solicitados pelos bancos a partir de uma favela

Publicado

em

O núcleo de jornalismo investigativo do Agora Paraná percorreu quatro estados durante seis meses e descobriu mais uma empresa fantasma. O sócio oculto da HD Soluções, Mérison Amaro está com os bens bloqueados por participar de um esquema que desviou R$ 30 milhões do Detran-MT”.

De acordo com o agora Paraná, a empresa HD Soluções atendia os registros de financiamento solicitados pelos bancos a partir de uma favela, mais especificamente, em rua protegida por uma facção criminosa.

Atualmente a HD possui uma sede fantasma em Brasília, e seria uma empresa laranja da B3, quinta maior bolsa de valores do mundo.

Mais informações consulte o Agora Paraná



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo

Brasil

Dono das Lojas Becker chama governador do RS de “viado” sem vergonha

“Esse governador, veado, está se juntando com o governador de SP, do RJ e do Nordeste onde o jogo deles é derrubar o presidente “

Publicado

em

Por

O dono das Lojas Becker, Sr. Leonor Becker, enviou um áudio ao Deputado e Presidente da Assembleia Ernani Polo, atacando o governador do estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, chamando-o de sem vergonha, “viado” e dizendo que o país está parado graças a briga política.

No áudio, ele diz:

“Esse governador, veado, está se juntando com o governador de SP, do RJ e do Nordeste onde o jogo deles é derrubar o presidente e quebrar o país, que interessa apenas o bolso deles. O país estava se endireitando, íamos colocar a casa em ordem, mas tem esses “sem vergonha” que só querem pensar em si mesmo”.

Andrew Jack, ator da saga Star Wars morre após contrair coronavírus aos 76 anos

Em outro áudio, o dono das Lojas Becker diz que caso o governador e o presidente da Assembleia queiram comandar a empresa dele, ele dá acesso a tudo, com tanto que receba tudo de volta que foi investido no estado.

Essa atitude tem a ver com o período de quarentena que o governador Eduardo leite estabeleceu na cidade como forma de conter o coronavírus, fechando comércios não essenciais na cidade.

Bolsonaro aprova auxílio financeiro de R$ 600 durante a pandemia

O empresário gaúcho Eleonor Becker, é dono de um dos maiores grupos empresariais do país, entre os quais a rede de Lojas Becker, conta com 267 lojas e emprega 4.800 trabalhadores.

Mas, devido ao coronavírus, todas as lojas tiveram que ser fechadas, atuando apenas no e-commerce pela internet, onde se criou uma instabilidade para os funcionários empregados.



O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo

Populares